Nasceu uma mãe!

4
Nasceu uma Mãe

Há muito tempo, foi veiculado um comercial que dizia: “toda vez que nasce uma criança, nasce uma mãe!” Essa frase me chama muito a atenção porque creio que é bem verdadeira.

A maternidade é um dom extraordinário que Deus – o Criador – concede aos Seus filhos, de serem com Ele co-criadores. Se somos co-criadores com Ele; e somente n’Ele e no sentido que Ele tem para a vida humana é que podemos refletir e bem viver nossa missão como pais e mães.

Nasceu uma Mãe

O sonho de ser mãe está presente no coração de quase todas as mulheres. Como é gostoso curtir o barrigão que vai crescendo mês a mês, sonhar com a carinha daquele bebê que está dentro do seu ventre, planejar o enxoval, o quarto, escolher o nome… São inúmeros os detalhes  e os prazeres desse momento tão especial na vida do casal e da mãe especialmente.

Mas parece que a contemplação mais bela do nascimento de uma nova mãe é na hora que ela toma seu bebê no colo, aquela nova vida parece ir tão além das suas capacidades humanas e de toda a potência que ela espera ter de amar. Aí vem ao mundo uma nova mãe!

Para mim, ser mãe segundo o projeto de Deus começa especialmente quando reflito no quanto esse Deus ousado e misericordioso pode confiar Seus filhos a pessoas tão limitadas quanto nós. Gosto de pensar que o projeto de Deus começa especialmente quando o nosso projeto humano se limita, se cansa, se desgasta.

Sou mãe quatro vezes e essas quatro pessoas extraordinárias são minhas “professorinhas exigentes” na arte de amar, nem sempre amor sentido, mas sempre amor decidido. Elas me ensinam dia a dia a sair de mim, a crescer na oferta da minha vida como mulher e mãe. São elas que me ensinam a vencer meu egoísmo, meu individualismo, minhas tendências feministas. Com elas cresço nas exigências de maturidade delas; amadureço; na educação delas para o mundo e para Deus, também eu sou educada. Não sei quem eu seria se não fosse mãe, não há nada que me faça me aproximar mais de Deus e do Seu Amor misericordioso e exigente do que a maternidade.

Obrigada, Senhor, por essa imensa Graça! Capacita-nos como mães a amarmos com o Teu Amor!

Lília Marcia Borges Gonçalves
Consagrada na Comunidade Pantokrator

4 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom ler este testemunho, ele nos mostra como cada um de nós, filhos de Deus, pelos merecimentos de Jesus, temos algo de extraordinário de Deus, somos co-criadores com Ele por que Ele quis precisar de nós. Lilia, um grande abraço, Deus te abençoe

  2. Acho que também poderia parafrasear a Lilia… “nasce um pai”. A cada filha que nasce descubro sempre mais os mistérios de Deus, do Seu amor por nós!

    Lilia, lindo ver suas palavras em sua vida!

    Que Deus abençoe nossa família!

  3. Maravilhoso texto Lília!! Deus te abençoe! Seu testemunho me faz querer “voltar pra casa”… e descobrir o Sonho de Deus pra minha vida de mulher, futura esposa, futura mãe se assim Ele desejar… espero que muitas mulheres também sintam isso e “voltem pra casa”…
    beijão!!!

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.