Lei de Ensino Religioso é sancionada no Rio de Janeiro

0

Foi sancionada na última quarta-feira, 19, no Rio de Janeiro a lei de Ensino Religioso, que estipula que as escolas de tempo integral da rede municipal da capital fluminense ofereçam em sua grade curricular aulas religiosas. A nova legislação prevê também a criação do cargo funcional de Professor de Ensino Religioso.

O chancelamento da lei foi realizado pelo prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, em cerimônia acontecida no Palácio da Cidade, com a presença da subsecretária de Ensino local, Helena Bomeny, do arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, e de outros representantes religiosos.

Ao final da cerimônia, Dom Orani parabenizou as autoridades empenhadas na aprovação da nova lei e afirmou ver o ensino religioso com muita esperança e alegria, pois, dessa forma, segundo ele, respeita-se a opinião e a nação brasileira na sua diversidade. “Esse é o modelo de cidade que sonhamos. A escola não deve servir apenas para informação, mas também para formação”, afirmou o arcebispo, que concluiu dizendo que por meio do ensino religioso é possível formar valores do transcendente.

O fato de que agora as escolas municipais de tempo integral do Rio de Janeiro coloquem em sua grade curricular o ensino religioso não quer dizer que ele se torne obrigatório. Pelo contrário, a matricula será facultativa e a disciplina poderá ainda ser substituída pelo Ensino de Valores.

A disciplina Ensino Religioso estará disponível na grade escolar do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Com informações da Arquidiocese do Rio de Janeiro.

Gaudium Press

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.