Bispos do Japão realizarão um encontro de emergência para decidir estratégias de procedimentos relativos à tragédia.

0

Sendai (Terça-feira, 15-03-2011, Gaudium Press) O bispo Dom Martin Tetsuo Hiraga, de Sendai, diocese mais atingida pelo terremoto e pelo tsunami que abalaram o Japão, informou à Agência Fides que bispos de todo o país irão realizar um encontro de emergência amanhã, 16 de março, na própria região de Sendai. A reunião do episcopado japon?s terá como objetivo decidir estratégias de procedimentos relativos à tragédia. “Devemos nos consultar sobre como agir. Por enquanto confiamos em Deus e pedimos orações de todos os cristãos do mundo”, disse.

O bispo de Sendai falou ainda sobre a calamidade enfrentada por todo o país e particularmente por sua diocese. “A situação é muito difícil, ainda não podemos compreender a dimensão do desastre; as notícias ainda são fragmentadas”, disse. Conforme o prelado, a diocese da qual é bispo é muito grande, cobrindo um total de 500 km de costa. O fato é que a onde gigante atingiu mais de 300 Km de costa. “Não sabemos ainda quantas pessoas morreram, quantos são os dispersos e os desabrigados e se dentre eles há católicos”.

Diante de um quadro tão incerto, Dom Hiraga declarou ainda ser difícil dizer o que é possível ser feito e como ajudar. No entanto, voluntários de todo o Japão chegam dispostos a oferecer auxílio. “É preciso unidade e boa vontade. Nós, católicos da Diocese de Sendai, somos pouco mais de 10 mil, um pequeno rebanho, mas continuamos a rezar pelas vítimas e faremos o possível para levar consolo e testemunhar, neste momento de sofrimento, a mensagem de amor de Cristo”.

Por fim, o bispo japonês agradeceu as palavras solidárias do Santo Padre enviadas ontem. Segundo o prelado, elas infundem coragem e esperança; “justamente a esperança que é o dom que os cristãos oferecem à nação neste momento”.

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.