Como se preparar bem para o Natal durante o Advento?

1

Como transformar o seu Natal

Pode ser que você sinta um vazio muito grande na época de Natal, pela falta da tia animada que chegava trazendo alegria na ceia das vésperas, ou por um câncer do avô que necessitou de toda sua atenção enquanto todos festejavam, quem sabe ainda, seja por sua situação financeira complicada, que faz o 13º já estar direcionado para as dívidas, enquanto as crianças estão esperando aqueles presentes caros! Seja qual for a sua dor, gostaria de lhe fazer uma proposta.

A nossa Igreja propõe que nós, católicos, vivamos um tempo preparatório para o Natal. Esse tempo é chamado de “Advento”, que significa “Vinda”, ou seja, a Vinda de Cristo. São Bernardo de Claraval dizia em seus ensinamentos que existem 3 vindas de Jesus: a primeira é a vinda na humildade, que ocorre no nascimento de Jesus, em que um Deus Se rebaixa a nascer em uma manjedoura no meio de animais; a segunda refere-se à vinda gloriosa de Cristo, em que Ele virá para julgar os vivos e os mortos e a terceira vinda de Cristo acontece constantemente; é a vinda contínua de Cristo em nossas almas. Em todas essas vindas, existe ou existiu um tempo preparatório.

Preparação para o nascimento do Messias

O nascimento do menino Deus tem uma importância tão grande para nós, pequenos seres humanos, que levaremos toda a nossa vida meditando na beleza deste mistério e ainda não será o suficiente para esgotar a sua compreensão. Mas Deus, na Sua pedagogia e no Seu amor de Pai, fez uma preparação para a humanidade não desprezar o nascimento do Seu Filho e acabar correndo o risco de perder a salvação eterna.

Que belas palavras o Catecismo da Igreja Católica nos traz no parágrafo 522: “A vinda do Filho de Deus à terra é um acontecimento de tal imensidão que Deus quis prepará-lo durante séculos. Ritos e sacrifícios, figuras e símbolos da “Primeira Aliança”, tudo ele faz convergir para Cristo, anuncia-o pela boca dos profetas que se sucedem em Israel. Desperta, além disso, no coração dos pagãos a obscura expectativa desta vinda.”

Tempo litúrgico do Advento

“Ao celebrar cada ano a liturgia do Advento, a Igreja atualiza essa espera do Messias: comungando com a longa preparação da primeira vinda do Salvador, os fiéis renovam o ardente desejo de Sua segunda vinda” (Catecismo, 524).

Que bela é nossa Igreja! No tempo do Advento devemos nos preparar para a vinda contínua de Jesus em nossas almas, que atingirá seu ápice no Natal e também é necessário nos prepararmos para a segunda vinda de Cristo, em que Ele Se manifestará na Sua glória, pois como diz a Sagrada Escritura, “daquele dia e da hora, ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, mas só o Pai” (Mt 24, 36).

Dessa forma, não podemos deixar que as preocupações deste mundo ofusquem a singeleza do Menino Jesus na manjedoura; em outras palavras, não podemos deixar que as belezas deste mundo sejam mais fortes que a beleza de Deus dentro de nossos corações, e para isso é necessário certo esforço, pois dentro de nós existe uma força contrária às coisas de Deus, o nosso “espinho na carne”.

Tarefas imprescindíveis

1. Realizar uma boa confissão. Sugiro buscar vídeos que ajudem a fazer uma boa preparação para receber o sacramento;

2. Organizar-se para ter bastante momentos com Jesus na eucaristia. E, é claro, não faltar às missas dominicais nem às festas litúrgicas;

3. Reservar um tempo diário para ficar com Jesus através da Sua Palavra, de preferência a liturgia diária. Se você já tem prática de rezar com a Palavra todos os dias, busque um tempo extra como prova de amor ao Mestre;

4. Pedir ao Espírito Santo que revele uma penitência para fazer neste tempo. É necessário afinar os ouvidos espirituais para escutar a suave voz do Mestre e nada como uma penitência para ajudar nisso;

5. Estar em espirito de vigilância. Se possível, tente fazer vigílias, com uma comunidade ou mesmo sozinho, mas não perca esse espírito de espera.

Dicas

1. Evite realizar empreendimentos ou mudanças drásticas na sua vida durante o tempo do Advento; isso com certeza, irá dificultar a sua vivência;

2. Procure comprar os presentes o quanto antes; além de você economizar, deixar as coisas para última hora sempre gera agitação;

3. Decore sua casa com enfeites natalinos, principalmente com o presépio, pois isso vai ajudar você e sua família a entrarem no clima da espera do Menino Jesus;

4. Se você tiver filhos, você pode escrever cartas com diversas atividades relacionadas ao Advento e colocar na árvore de Natal. Depois, peça para a criança abrir uma a cada semana; nessas tarefas seria interessante incluir algo como separar brinquedos ou roupas para doação, rezar o Rosário em família, entre outras;

5. Procure dar presentes que remetam à espiritualidade do Natal. Você pode também rezar por uma pessoa e escrever uma carta a ela com o que sentiu na oração; é importante que não deixemos morrer a cultura de enviar cartões de Natal.

Eu acredito piamente que essa reflexão aplicada à sua vida irá preparar sua alma para receber o Menino Jesus e, como todo bebê, Ele será o centro das atenções e você será muito feliz por ter acolhido o Salvador na manjedoura do seu coração!

Lucas Sturion
Discípulo da Comunidade Católica Pantokrator

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.