Home Artigos Pantokrator Como vencer o comodismo

Como vencer o comodismo

-

Você vive no comodismo? Bom, segundo o dicionário, a definição para esse comportamento é: “egoísta, estando sua satisfação acima de tudo. Caráter do comodista, de quem evita assumir responsabilidades ou de quem se afasta de dificuldades.” Duras palavras para quem se identificou e um incentivo para lutar contra essa concupiscência.

O egoísmo é uma das filhas do pecado da gula, quando você nunca está satisfeito quer ter sempre mais e mais, não se contentando com o que já tem, uma forma de cobiça. Uma pessoa cômoda é egoísta, pois pensa que tudo é para ela, para satisfazê-la e isso faz crescer a gula, que é muito relacionada a comida, mas não é só isso.

Você já deve ter conhecido alguém ou até mesmo essa pessoa pode ser você que sempre pensa em “evitar a fadiga” em deixar tudo que é exigente pra depois. Então pergunto: o que você tem de tão especial que não pode sofrer? Não pode assumir a dor que a realidade e as responsabilidades trazem? Até mesmo a Virgem Maria, mãe do Salvador, sofreu. Porque precisa deixar tudo para depois, querendo evitar, no fundo um desejo de fuga da situação? Não querer encara-la é assumir que você não pode ou não quer vencê-la, derrotado pelo comodismo.

O Comodismo nos Rouba a Intimidade com o Senhor

Vivemos assim tão tranquilamente que até nos confundimos com desorganização, falta de tempo nosso caminhar com Jesus vai ficando mais lento, e quando vemos, abandonamos nossa vida de oração e intimidade com o Senhor, até porque Ele é movimento e nos convida à conversão, e o que um cômodo menos quer é ser tirado de seu mundo irreal onde tudo é para ele.

Nós lutamos contra tudo isso com a virtude da temperança, pois é ela que regula nossa gula, e mortificação para sermos curados do nosso egoísmo um santo se faz na luta constate do dia a dia, em cair e saber levantar. Tenha coragem. Já dizia são Josemaria Escrivá: “não seja frouxo, mole, está na hora de repelires essa estranha compaixão que sente por ti mesmo”. De que vale a vida se não para ser com Cristo, em Cristo e por Cristo. Nada daqui dessa Terra vale senão morrer todos os dias para suas vontades corrompidas pelo pecado.

Todos os dias podemos tocar na misericórdia de Deus e, de coração contrito, nos colocarmos diante Dele para deixarmos sermos moldados, sermos limpos para entrarmos na sua glória eterna. Sim, limpos, nossa alma é como uma camiseta branca muito suja do nosso pecado. E Deus, em cada virtude que nos chama a viver, em cada mortificação feita, vai nos limpando da nossa imundice. Ele é puro amor. Se reconheça pequeno e necessitado de sua graça e o deixe tocar e conduzir seu coração. São palavras difíceis de serem lidas, mas é sempre para nosso bem. Temos todos, em escalas diferentes, um pouco de comodismo dentro de nós, principalmente quem te escreve, mas creiamos que Ele é por nós!

Juntos até o céu.

Tayná Barbosa
Postulante da Comunidade Católica Pantokrator

Tayná Barbosa
Postulante da Comunidade Católica Pantokrator

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.

EDIFICANDO A FÉ NOS CORAÇÕES

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

×