Deus está no controle de tudo

0
controle

Como viver de maneira livre, sem controle de nada? Essa pergunta pode soar uma indisciplina ou até mesmo irresponsabilidade para quem entende que a palavra controle é direcionada para si mesmo. É o que percebemos na vida contemporânea, o controle é caminho de individualidade e independência, no latim, a tradução é imperium. E quem está disposto a entregar seu império a Deus?

Para nos ajudar no caminho de entrega do que pensamos ser “nosso império”, temos uma via, simples, completa, profunda e inabalável, a vida da Santíssima Virgem Maria, seu sim. Nesse sentido, é importante que reconheça que nada é seu e tudo é de Deus, pois Ele é o único criador.

“Eu Sou o Alfa e o Ômega”, declara o Senhor Deus, “Aquele que é, que era e que há de vir, o Todo-Poderoso.” Apocalipse 1:8

Foi assim que Nossa Senhora, imaculada desde sua concepção, foi capaz, pela graça de Deus, a entregar tudo: “Disse então Maria: eu sou a serva do Senhor! Faça-se em mim segundo a tua palavra.” Lc 1,26-38.

Realmente não faço ideia de quantos anos você, que lê este texto, tem. Mesmo assim, convido a fazer uma experiência de se colocar nos seus 15 anos de idade e reviver o que Nossa Senhora reviveu, quando Deus lhe chamou para entregar-se por completo ao plano divino. Talvez, digo, muito provável que você, naquela época, tivesse mais coragem para responder SIM do que agora. Então? O que aconteceu? Ouso lhe dizer que você vem dando mais importância para os bens terrestres do que para os bens celestiais, está por idolatrar a seus méritos, quando na verdade se torna demérito ao reino do céu. Retira esse véu de seus olhos, se prostre de joelhos diante de Deus e renuncie a esta imagem de ouro mentirosa que ergue como fez Nabucodonosor.

“O rei Nabucodonosor fez uma imagem de ouro de vinte e sete metros de altura e dois metros e setenta centímetros de largura, e a ergueu na planície de Dura, na província da Babilônia.” Dn 3,1.

controle

Reconhecendo nossas faltas e renunciando às nossas paixões, mais livres estamos para, agora, entregar nossa vida Àquele que sempre foi e sempre será o verdadeiro detentor de nossas alma, que nos ama tanto, com um amor tão ciumento, que deu em sacrifício o seu próprio Filho, Jesus Cristo, em favor da nossa redenção.

Diante ainda de qualquer dificuldade de renuncia das paixões, clamemos a ajuda de Nossa Senhora orando:

TOTUS TUUS EGO SUM MARIAE ET OMNIA MEA TUA SUNT (Sou todo teu, Maria, e tudo o que é meu é teu).

Repita ao menos 5 vezes agora e, se necessário, até o final da vida, pois é por Maria Santíssima que a graça é derramada em nós, pois ela é a esposa do Espírito Santo e, assim, somente reconhecendo nossa pequenez e incapacidade é que abrimos os portões enferrujados para a água da graça de Deus que revive e reanima tudo.

A entrega de tudo é diária, jamais cessará, por isso é importante que tenhamos a intimidade com Deus, caso contrário, voltaremos a colocar falsos ídolos no lugar do Senhor. Por isso se faz tão importante a oração diária de intimidade, para que sejamos íntimos e apaixonados pela Trindade Santa, e assim, lembremos que tudo está no comando do Criador.

Então, podemos pensar que uma vez que entrego tudo a Deus, nada mais nos perturbará, está tudo sobre controle? Com absoluta certeza, se você balançou a cabeça de forma afirmativa, ainda há de investir um tempo de leitura na vida dos Santos, e para iniciar sugiro o Livro de Jó, na sagrada escritura, pois todos viveram uma vida de entrega total e nem por isso deixaram de ser tentados, humilhados, torturados e por fim, alguns, martirizados.

Lembremos que o maior mal que podem causar os demônios é esforçarem-se por associar o homem à sua rebelião contra Deus[1]. Dessa forma, pergunto: o que é esse movimento contemporâneo do ser-humano querer cada vez mais estar no controle de tudo, determinar quando receberá o batismo, se vai ou não casar, se compra um cachorro ou tem um filho. De fato, se nada é meu, como posso decidir sozinho? Isso é soberba, e com certeza vem do abismo. Neste momento, nos resta gritar: QUEM COMO DEUS? NINGUÉM COMO DEUS! Clame, com confiança, auxílio para São Miguel Arcanjo, pois por ele receberá, pela virtude divina, a humildade para aniquilar a soberba do príncipe das trevas.

“Como diz São Boaventura, todos os anjos lhe cantam no Céu incessantemente: “Santa, Santa, Santa Maria, Mãe de Deus e Virgem!” E, todos os dias, lhe oferecem milhões de vezes a saudação angélica: “Ave, Maria…”, prostrando-se na sua presença e pedindo-lhe a mercê de honrá-los com algumas das suas ordens. O próprio São Miguel – disse Santo Agostinho -, embora seja o príncipe de toda a corte celeste, é o mais diligente em lhe prestar toda espécie de homenagens e em fazer com que lhas tributem. Constantemente aguarda a honra de por Ela ser mandado em auxílio a alguns dos Seus servos. (nosso grifo).”[2]

Por tudo que já nos foi escrito acima, ainda havemos de saber as consequências de nossa soberba, falta de confiança e desejo do controle de tudo. Já não há mais como alegar ignorância. Estejamos prontos para saber que o manso Cordeiro de Deus era também um leão feroz, como cita Padre Paulo Ricardo:

“O Jesus que fala do fogo do inferno e o que fala da graça do Espírito Santo não estão jamais em conflito; antes, um ilumina o outro.” Cc ”Jesus tem “lados” diferentes, de fato, mas todos eles compõem uma divina harmonia.”[3]

Portanto, aqui e agora é o tempo favorável, tome a sua decisão com confiança e entregue o controle da sua vida ao Criador, buscando a intimidade na oração, devoção a Virgem Santíssima e São Miguel Arcanjo.

“Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.” Lucas 13:3

Thiago Casarini
Postulante da Comunidade Católica Pantokrator

 

[1] Ritual Romano. Rito dos Exorcismos, Proêmio.

[2] DE MONTFORT, São Luís Maria Grignion, TRATADO DA VERDADEIRA DEVOÇÃO À SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA, Cléofas, 8° Edição, 2017.

[3] https://padrepauloricardo.org/blog/as-duas-caras-de-cristo

 

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.