Mestre onde moras? Vinde e Vede

0
vede

“Vinde e vede! Adentre em Minha morada!”

Se você chegou até aqui foi porque Deus o atraiu de alguma forma.

Pode ser que você acredite já ter certa intimidade com Deus e, portanto, através dela Ele o atraiu aqui; ou talvez seja sua primeira experiência com Deus e este texto tenha sido enviado a você por um acaso ou ainda que o tenha descoberto de forma aleatória.

Não importa! Saiba que, independentemente do modo como você tenha chegado, foi porque Deus o atraiu. Na verdade, Cristo tem o atraído a cada dia, a cada minuto e mais ainda, a cada segundo de sua vida. Por isso hoje Ele faz este convite a você: “adentre a Minha casa!” Como fez aos discípulos: “No dia seguinte, estava lá João outra vez com dois dos seus discípulos. E, avistando Jesus que ia passando, disse: “Eis o Cordeiro de Deus.” Os dois discípulos ouviram-no falar e seguiram Jesus. Voltando-se Jesus e vendo que O seguiam, perguntou-lhes: “Que procurais?” Disseram-lhe: “Rabi (que quer dizer Mestre), onde moras?”  ­– “ Vinde e vede”, respondeu-lhes Ele. Foram aonde ele morava e ficaram com ele aquele dia.” (Jo 1, 35-39b).

Vede, onde é a casa do Senhor?

Vede, onde Cristo habita?

Vede dentro do seu coração, pois Cristo habita nele.

Vede dentro de si e encontre-se com Ele!

A intimidade com o Senhor precisa crescer a cada dia e o nosso coração tem sede dessa relação. Muitas vezes, em meio às tribulações e acontecimentos da vida, nos acomodamos e achamos que já é suficiente qualquer mínima relação com esse Deus vivo em nós. Porém, nos enganamos, esse relacionamento precisa ser constante. E mais que isso, é preciso se colocar diante do Senhor deixando de lado tudo o que tem ocupado o lugar Dele em sua vida, tudo o que o distancia de Deus.

Vede! Do mesmo modo que a planta precisa ser frequentemente regada para não morrer, reconheça que a sua busca por Deus deva acontecer assim também: ser regada com a oração diária, pois só Ele é quem pode saciar plenamente a sua sede e mantê-lo vivo.

Vede! Jesus é a Vida e porque é Vida, Ele é o seu sustento e alimento.

Vede! Olhe para Cristo e tire o seu olhar das suas dores, das suas dificuldades, daquilo que lhe faz murmurar, para que através da intimidade com Deus, você tenha uma boca de louvor e se transforme em um verdadeiro adorador.

Se você tem buscado a Deus, que essa busca seja contínua e determinada, porque se faz necessário buscá-lO sempre e cada vez mais; entretanto, se é a primeira vez que você recebe esse convite, acolha-o em seu coração e vede, pois Ele aí está!

Deise Castro 
Discípula da Comunidade Católica Pantokrator

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.