O Amor é um grande ‘negócio’

0

Em “As Sete Virtudes Líder Amoroso”, de João Carlos Almeida (Pe. Joãozinho), o autor revela como a dinâmica do amor é determinante para o sucesso de um empreendimento e desvenda segredos do sucesso do líder amoroso, que supera mil dificuldades e encontra a maneira correta de atingir suas metas. Pe. Joãozinho é Ex-Diretor Geral da Faculdade Dehoniana, em Taubaté, atua há mais de vinte anos como consultor na área de treinamento de lideranças.

feriaslivro“Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo! Jesus Cristo”, assim inicia-se este livro, com a simplicidade, reflexão e ação que este mandamento nos trás. A exemplo de Jesus Cristo, o próprio mestre revelou seu segredo quando ensinou a seus seguidores que “aquele que quiser ser líder, deve ser o servo de todos”.

O líder servidor é alguém que é obedecido, porque antes de mandar fazer ele já fez e sabe como se faz. A liderança é construída em uma dimensão humana muito mais profunda: a atitude! Para querer fazer o bem é preciso uma inteligência amorosa. O amor, portanto tem algo racional, é preciso amar com a mente e com o coração.

É líder aquele que influencia as pessoas do grupo para que todos possam chegar à meta pretendida. O líder se afasta da liderança quando se torna paternalista e faz tudo o que os outros deixaram de fazer. O bom líder consegue distribuir as tarefas e liderar com sua presença e sua ausência. O líder é aquele que viu a meta antes dos outros, inspira confiança ao grupo e garante a operacionalidade.

Para o líder amoroso é fundamental a capacidade de se comunicar, saber ouvir, saber “ler” o coração do outro, ter bom humor – quem sorri quando fala multiplica por dez a sua capacidade de atingir o interlocutor.

O livro trás um conjunto de ideias sobre a liderança através do amor e é voltado para qualquer tipo de liderança, do empresário ao pai de família. As sete virtudes do líder amoroso são: comunicação, confiança, solidariedade, paciência, discrição, honestidade e resiliência.

O amor é um grande negócio, quem faz pão amorosamente, por exemplo, vende mais! O amor é inteligência, porque Deus é amor. Ao amar de forma inteligente – com a mente e o coração – todos são capazes de aprender a arte da liderança nos diversos campos da vida. Boa leitura!

Fonte: ALMEIDA, João Carlos (Pe. Joãozinho). As Sete virtudes do Líder Amoroso/ 7ª edição. São Paulo. Editora Canção Nova, 2011.

Kátia Xavier
Postulante na Comunidade Católica Pantokrator

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.