Os que não querem ser vencidos pela verdade serão vencidos pelo erro

1
verdade

Escute aqui a transcrição dessa matéria

Como nunca antes, por todo o planeta, proclamam-se verdades em quantidade e velocidade impressionantes. Na era da internet, querendo ou não, somos bombardeados de informações incessantemente. Devido à alta tecnologia científica e médica, com tantas descobertas, algo que sempre foi considerado verdade de repente deixa de sê-lo. Muitas vozes se levantam ao nosso redor. Em meio a esse mundo de tantas palavras, onde cada um parece possuir a sua verdade própria, como seremos capazes de distinguir a “verdadeira verdade”, sem corrermos o risco de sermos enganados pelas fake news?

O que é a Verdade?

Em grego, verdade (alétheia) significa aquilo que não está oculto, velado, manifestando-se aos olhos e ao espírito, tal como é, ficando evidente à razão. Em latim, verdade (veritas) é aquilo que pode ser demonstrado com precisão, referindo-se ao rigor e à exatidão. O termo hebraico para verdade é (emet), que significa constância, fidelidade.
Deus é Verdade porque tudo existe n’Ele: EU SOU. Só Deus É e somente somos n’Ele. Nada nem ninguém existem por si próprios. A Verdade é Deus enquanto fundamento de todas as coisas. A Verdade é o que fundamenta a existência.

A Verdade nos ultrapassa!

A Verdade está além de nós, ultrapassa a razão humana. Ela nos transcende! Porém, por Sua Bondade e Misericórdia, Deus deseja revelar-Se a nós e o faz de forma plena em Jesus Cristo, que é a Verdade em Pessoa.
É sonho de Deus que O encontremos e que conheçamos a Sua Verdade. Ele nos dá muitos meios para isso: as Sagradas Escrituras, o Magistério da Igreja, as vidas dos santos, o Espírito Santo… No entanto, Ele Se revela aos poucos, passo a passo, até a eternidade, quando teremos a visão e o conhecimento plenos de Deus.
Deus criou o homem inteligente e capaz do conhecimento. Mas a fim de que alcancemos a Verdade, muitas vezes, é preciso submeter nossa lógica, nossa razão, nossas verdades relativas, ainda que nos pareçam tão coerentes, à Verdade Absoluta de Deus, Aquele que É. Faz-se necessário ser humilde e pequeno para que toquemos a grandiosidade da Revelação Divina. É um ato de fé e confiança no Senhor.

“Conhecereis a Verdade, e a Verdade vos libertará” (Jo 8, 32)

À medida que nos abrimos à Verdade de Deus em nossas vidas e nos conformamos a Ela, descobrimos nossa verdade. Santa Teresinha nos diz: “Eu sou aquilo que Deus pensa de mim”. Tudo isso pode parecer muito abstrato, mas se torna uma realidade palpável, concreta e cotidiana quando permanecemos próximos a Deus, através de uma vida orante, e nos deixamos ser moldados pelo Espírito Santo.
A Verdade sobre nós que está no coração de Deus tem a força capaz de nos libertar das falsas verdades proclamadas sobre nós e das nossas próprias verdades humanas que tantas vezes nos levam a uma imagem distorcida e errônea de nós mesmos.

O homem torna-se verdadeiro, torna-se ele mesmo quando se conforma a Deus. Então alcança a sua verdadeira natureza. Deus é a realidade que dá o ser e o sentido (Papa Bento XVI, Jesus de Nazaré).

Que Deus nos abençoe e que o Espírito Santo nos guie nessa jornada em busca da Verdade!

*Santo Agostinho

Adriane Luz
Consagrada da Comunidade Católica Pantokrator

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.

11 − 8 =