Home Artigos Pantokrator Quando as somas de Deus não batem com as minhas

Quando as somas de Deus não batem com as minhas

-

Podemos, no princípio com a criação de Deus, admirar a soma mais importante que já existiu: a soma da existência humana com a de Deus.

Que maravilhoso e grandioso esta soma! Um Deus Uno e Trino que em Sua potência de amor quis colocar em toda a Sua criação um Ser que pudesse experienciar da Sua própria Vida através da graça. Ser este, tão amado e desejado, que fora criado à imagem e semelhança de Deus. “(…) a graça traz consigo a vida íntima do grande mistério da Trindade, porque ela é, na sua essência profunda, a doação das três Pessoas divinas, que penetram no homem transformando-o num templo.”1.

Bendita soma que nos trouxe à vida!

Você já refletiu sobre às vezes em que Deus lhe deu a oportunidade de fazer uma grande soma e você acabou perdendo essa chance de crescer e mudar a relação com pessoas que jamais imaginaria poder somar com elas? Seja por incompatibilidade de temperamento, ideias, gostos, personalidade, enfim, pouco importa a circunstância ou o motivo, e sim, como você lidou com elas.

Muitas vezes, para que possamos somar em algo ou na vida de alguém, é necessário algumas renúncias, por exemplo, abrir mão do orgulho e nos humilharmos para que essa “graça da soma” aconteça nas situações em que nem imaginaríamos ser possível, situações que, humanamente falando, não haveria chance alguma de dar certo.

Conforme mencionei acima sobre saber aproveitar as oportunidades que Deus nos concede, vou testemunhar-lhes uma das maiores experiências que já vivi em minha vida. Foi com uma pessoa da igreja, um irmão de comunidade.

Tive várias contrariedades e desentendimentos com essa pessoa; problema que durou alguns anos devido, justamente, à questão de orgulho, tanto da minha parte quanto da dela. Só sei que quando tínhamos que realizar algum trabalho juntos, sempre entrávamos em atrito. Parecia que a qualquer momento pegaria fogo e nada mudaria. Essa situação gerava em mim uma inquietação muito grande, porque trazia comigo o conceito de que estava ali para somar e dar o melhor de mim e não para divergir.

somas

Entretanto, encontrei o caminho da bondade e misericórdia de Deus. Uma formadora vocacional me levou a uma experiência de que se faz necessário algumas perdas para obter uma grande soma, o famoso “menos é mais”. Essa formadora pediu-me, então, que eu renunciasse às minhas vontades, ao meu orgulho, minha razão e entrasse na vontade e no querer de Deus, desse modo, eu encontraria o novo de Deus.

Comecei o caminho da experiência através da obediência. Iniciei apresentando o problema a Deus em oração e, em um período de três anos, obtive várias evidências da ação de Deus nesse contexto. Tudo foi sendo transformado em minha vida vocacional, afetiva, humana e espiritual. Alcancei uma das maiores graças, pois consegui apostar no que Deus me pedia, e quando o Senhor mudou realmente toda a situação, experienciei o que minha formadora havia me dito: é preciso perder para poder ganhar. Em meio às perdas pude alcançar a graça de obter ganhos para a minha vida e somar na vida do meu irmão, na vida da comunidade e da Igreja. Isso foi muito gratificante!

Durante esse período de perdas e divisões, a graça aconteceu e sou muito grato por ter tido essa oportunidade, porque ela mudou muito o meu modo de pensar e de agir.  Ainda hoje continuo tendo várias outras experiências, e em cada uma encontro um sentido novo, e às vezes… até uma conversão.

Em Mateus 16, 24-27, diz: “Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me segue”, ou seja, renuncie seus costumes, vontades, orgulho, desconfianças, caprichos, imaturidades para que a graça aconteça também em sua vida, independente de qual seja a circunstância. Lanço-lhe um desafio: viva essa experiência e colherás saborosos frutos.

Às vezes, Deus permite circunstâncias difíceis e duras para sermos provados na fé, na confiança e na esperança, e desse modo, alcançarmos as somas que de que precisamos. Posso garantir de que Deus não lhe deixará sem resposta, pois para todas as situações existem um sentido e uma solução.

Já tive muitas perdas: ser roubado mais de uma vez, assaltado, situações trabalhistas, a morte do meu pai e tantas outras, porém, nunca fiquei sem resposta, ao contrário, encontrei, sim, o verdadeiro sentido em todas elas e pude experienciar grandes somas.

Reinaldo Marques
Consagrado da Comunidade Católica Pantokrator

  • Fonte: www.sumateologica.wordpress.com

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.

EDIFICANDO A FÉ NOS CORAÇÕES

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

×