Home Artigos Pantokrator Que palavra eu não posso recusar?

Que palavra eu não posso recusar?

-

“O rei ficou muito triste, mas não pode recusar…”

O Evangelho segundo Marcos 6, 14-29, nos faz concluir que ouvir a Palavra de Deus mas não permitir que ela se aprofunde e reine acima de qualquer outra palavra dentro de nós pode nos causar tristeza e confusão.

A Palavra nos diz que Herodes gostava de ouvir João Batista, sabia que era justo e santo, embora ficasse embaraçado. Herodes parece não ter a intenção clara de matar João; mas seu juramento de rei, seus vínculos com o pecado, sua palavra ante seus convidados amargamente o conduzem a isso.

Tantas vezes ouvimos a Palavra, apreciamos, gostamos dela, mas, se ela não tem a força de arrancar as outras palavras que reinam em nós, se não tem a força de mudar nossa conduta, nos desvincular do pecado, pouco a pouco e sem que percebamos chega o “momento oportuno” em que diante dos impasses da vida degolamos a profecia, mantemo-nos na tristeza e na amargura e na confusão.

Cadastre-se grátis e receba todas as novidades do site por e-mail

Sempre é tempo! Que, ao ouvirmos falar de Jesus e de Seu nome, como aconteceu com Herodes, tenhamos a coragem de conhecê-l’O, de nos aproximar d’Ele e deixar que essa novidade nos toque, nos transforme, faça tudo novo. Não nos prendamos aos assassinatos que cometemos no passado e deixemos que Jesus reescreva e refaça nossa história com Ele na novidade da Palavra que nos revela a cada dia.

Lília Gonçalves
Consagrada na Comunidade Pantokrator
 

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.

EDIFICANDO A FÉ NOS CORAÇÕES

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

Ao tornar-se um Construtor da Fé você participa da Obra de Pantokrator e constrói a fé no coração de milhares de pessoas mensalmente atingidas pela nossa Obra. E ainda colabora na estrutura missionária e na formação dos sacerdotes da Comunidade Pantokrator.

×