Sou um vaso nas mãos do Oleiro

1

Como é bom, ao meditarmos a Palavra de Deus, descobrir que somos vaso nas mãos do Oleiro! Descobrir que Deus se ocupa conosco por sermos obra preciosa de Suas mãos. Saber que nEle é certo estamos seguros, protegidos, guardados, que Sua bondade é real e constante em nossas vidas e a obra que Ele mesmo iniciou em cada um de nós não ficará inacabada, pois a todo instante Ele está a nos modelar.

No capítulo 1 do livro do profeta Jeremias, versículos 3 e 4, vemos o mesmo profeta dizer: Desci, então, à casa do oleiro, e o encontrei ocupado a trabalhar no torno. Quando o vaso que estava a modelar não lhe saía bem, como costuma acontecer nos trabalhos de cerâmica, punha-se a trabalhar em outro à sua maneira”. O oleiro visualizado pelo profeta é o próprio Deus e o vaso, cada um de nós, Seus filhos, membros de Seu povo.

O profeta deixa muito claro que o Oleiro está ocupado a modelar o barro no torno. Isso é motivo de grande louvor a Deus, porque Ele se ocupa com a nossa vida. Deus, neste instante, está ocupado com sua vida, ainda que você não consiga perceber isso de forma tão clara, você está gravado na palma de Suas mãos e Ele não o esquece e não o abandona nunca (cf. Is 49, 14-16).

Se você olhar para a sua história, com certeza verá muitos sinais que lhe revelarão a presença e o cuidado de Deus em sua vida. Esta reflexão deve ser feita constantemente, pois nos leva ao louvor, torna nossos corações agradecidos à bondade de Deus que nunca nos deixa.

No mesmo trecho profeta Jeremias, vemos também que o Oleiro, ao notar algo errado com o vaso que está sendo modelado, começa uma nova modelagem. Isso exige que o barro seja novamente amassado e que eventuais impurezas sejam retiradas para que o trabalho alcance a perfeição desejada.

… o texto continua após a imagem…Oleiro - Orando com a Bíblia

Formados pelas mãos do Oleiro

Você já teve a sensação de estar sendo como que amassado por alguma situação em sua vida? Será que isso não é, justamente, as mãos de Deus a lhe modelar?

Deus, o grande Oleiro, em Sua sabedoria que perpassa nosso entendimento, utiliza-se de todas as situações em nossas vidas para nos fazer pessoas melhores. Muitas vezes, essas situações são de sofrimento e dor, que parecem ser maiores que nossas forças. Contudo, quando confiamos que estamos nas mãos de Deus e que Ele sabe o que é melhor para nós, somos capazes, pela graça do Espírito Santo, de suportar tudo na esperança de que Ele nos modela para sermos pessoas melhores, não somente para nós mesmos, mas também para os que convivem conosco.

Precisamos crer que o fato de Deus nos modelar e de, constantemente, recomeçar Sua obra em nossas vidas, é sinal do amor que Ele tem por nós.

“O Senhor completará o que em meu auxílio começou. Senhor, eterna é a vossa bondade: não abandoneis a obra de vossas mãos” (Sl 137,8).

Acredite, Deus não quer deixar inacabada a obra que Ele começou em você! Ainda que muitas situações sejam extremamente exigentes, abandone-se nas mãos do Oleiro, renda-se e deixe-se modelar como a argila, porque a obra de Deus é sempre bela. Vale a pena confiar!

No mais íntimo do seu coração, peça ao Senhor: “Leva-me, meu Deus, meu Oleiro, à Sua sala. Leva-me à intimidade do Seu coração e modela-me conforme a Sua vontade. Eu creio que o Senhor completará em mim a obra que Suas próprias mãos começaram, pois eterna é a Sua bondade e nada em minha vida ficará inacabado. Sustenta-me em minha fé para que eu sempre confie em Seu amor que cuida de mim. Amém!”

Edvandro Antonio Pinto
Postulante da Comunidade Pantokrator

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.