Vontade de Deus: boa, perfeita e agradável

Entre fazer a vontade de Deus ou não está a nossa decisão e a nossa liberdade em acolher o que Ele tem reservado a nós. Não como a ideia de um destino, mas como um sonho para nos fazer felizes e santos.

Com o coração atento, devemos permanecer em intimidade com Deus, e assim, reconhecermos a Sua voz.

A luz da razão nos tira dos “achismos” e nos coloca a prática da busca pela santidade, que nada mais é que fazer a vontade de Deus, pois o real desejo do Pai é nos ver na comunhão eterna.

A pergunta que deve ser feita é: “onde vou amar mais?”.

É submetendo tudo a Deus que teremos os corretos discernimentos em nossa vida. Neste ponto encontramos grandes inimigos: nosso ego, nossa vontade, nosso prazer; achamos que somos deuses e queremos decidir tudo.

Isso se apresenta de forma sutil, muitas vezes, imperceptível aos olhos humanos: quando tudo começa a ficar pesado e cansativo é sinal de que não estamos mais com o olhar fixo no Senhor, e sim em nós mesmos, tanto em nossas “glórias” quanto em nossas limitações.

É tênue a linha que separa a liberdade de escolher a Deus ou a nós mesmos: “Sede sóbrios e vigiai. Vosso adversário, o demônio, anda ao redor de vós como o leão que ruge, buscando a quem devorar” 1 Pedro 5, 8.

… o texto continua após a imagem…

Em um breve testemunho: há alguns dias fui a um aniversário de criança e em determinado momento da festa o Batman iria aparecer para parabenizá-lo. Quando o personagem entrou, eu vi, no olhar dessa criança, a verdade. Logo ele quis ir no colo do Batman, e ali ele sentia-se seguro, confiante, pois em sua inocente imaginação, um super-herói pode tudo para salvar o dia.

Isso me fez pensar em como temos olhado para Deus? Qual tem sido a nossa verdade diante Dele? Pois sabemos que Jesus é o nosso Salvador e em quem podemos confiar; crescemos e achamos que podemos ser do tamanho Dele.

Por isso devemos nos manter em intimidade com Deus, porque Sua vontade é o que verdadeiramente nos fará santos. Tudo está nas mãos do Pai, não atrapalhe o que Ele tem para você.

Seja forte como uma rocha na fé, que nada abale sua esperança, afinal, encontramos o Salvador, nada temos a temer, e por mais difícil que possa parecer exigente, e muitas vezes sem lógica… humana, é claro, confiemos que o Pai tem o melhor para nós.

Um coração ancorado no céu Não se contenta com coisas terrenas porque sabe que fazer a vontade de Deus é fazer da Terra o céu.

Tayná Barbosa
Vocacionada da Comunidade Católica Pantokrator 

GOSTOU? COMPARTILHE EM SUAS REDES SOCIAIS!

Tags: , , , , , , , ,

Category: Artigos Pantokrator

Deixe um comentário

Eventos Campinas Informações