As aparições de Maria em Lourdes. Mais de 7.000 curas inexplicáveis pela medicina

0

A partir de 11 de fevereiro de 1858, Nossa Senhora apareceu 18 vezes a Santa Bernadette Soubirous, numa gruta perto de Lourdes, França. A santa perguntou à Dama quem era e o que queria. Ela respondeu: “Eu sou a Imaculada Conceição”. O Beato Papa Pio IX havia proclamado o dogma da Imaculada Conceição em 8 de dezembro de 1854 e a aparição confirmou esse dogma. Nossa Senhora usava um vestido branco com uma fita azul. São as cores da Imaculada Conceição. Nossa Senhora fez vários pedidos por meio de Santa Bernadette: 1) “Penitência, penitência, penitência!”; “rezai a Deus pela conversão dos pecadores”; além da recomendação de “oscular a terra em penitência pelos pecadores”.2) “Ela me disse para comer a erva que se encontra no mesmo local onde eu fui beber”[em sinal de penitência], explicou a vidente. 3) “Ide beber na fonte, e lavai-vos ali”. Para esse efeito Nossa Senhora fez brotar uma fonte na gruta de Lourdes. Dali provém a “água de Lourdes”, até hoje. 4) Mandou construir uma igreja no local:“Devem vir aqui em procissão”. É a origem da procissão dos círios em Lourdes. Como prova da veracidade da aparição, Nossa Senhora abriu ali uma fonte torrencial de graças e milagres como em nenhuma outra parte do mundo. A ciência já constatou, depois de demorados processos, mais de 7.000 curas inexplicáveis pela medicina. Os milagres acontecem em geral ao beber a “água de Lourdes” ou lavar-se nela, e também na benção dos doentes.

Mas muitos outros acontecem de modos e em locais inesperados, ao se invocar Nossa Senhora de Lourdes. Por isso surgiram inúmeras reproduçõeda gruta de Lourdes pelo mundo inteiro.

Blog Shalom – Carmadélio

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.