Memória de São Roberto Belarmino, bispo e doutor da Igreja

0
São Roberto Belarmino

Memória de São Roberto BelarminoHoje a Igreja celebra a memória de São Roberto Belarmino, bispo e doutor da Igreja, o grande santo jesuíta que nasceu em Montepulciano, no centro da Itália, em 1542, numa família de doze irmãos, dos quais cinco eram religiosos.

Quando os padres da Companhia de Jesus abriram um colégio em Montepulciano, Roberto foi um dos primeiros alunos na matrícula e no desempenho. O contato com os padres fez com que o jovem mudasse sua primeira ideia de ser médico, para inclinar-se em favor da vida religiosa jesuíta.

Depois de conseguir a permissão do pai, que ao contrário da mãe, apresentava uma certa resistência frente de sua opção, Belarmino com 18 anos, iniciou e concluiu de maneira brilhante sua formação religiosa e seus estudos de filosofia e teologia, tanto que antes de ser ordenado sacerdote foi enviado como professor e pregador em Lovaina, na Bélgica, por dez anos.

Teve importante papel na aplicação do Concílio de Trento, ajudando na formação apologética dos teólogos e pregadores responsáveis na defesa da fé, contribuindo muito ao escrever sua obra chamada “Controvérsias” e o livro chamado “Catecismo”. Em “Controvérsias”, Belarmino explana os seus três grandes amores: a Palavra de Deus, Cristo cabeça da Igreja e o Sumo Pontífice.

Leia também: Deus tem pressa da nossa santidade

Era também diretor espiritual do Colégio Romano, responsável pela formação ascética dos alunos que muito o respeitavam e admiravam. O Papa Clemente VIII o elevou a cardeal com esta motivação:

“Nós o escolhemos porque não há na Igreja de Deus outro que possa equiparar-se ele em ciência e sabedoria”.

Quando ficou doente, em setembro de 1621, os confrades testemunharam seu último diálogo com Deus:

“Ó meu Deus, dai à minha alma, asas de pomba, para que possa voar para junto de vós”.

Morreu no dia 17 deste mês, e pelos seus escritos recebeu o título de Doutor da Igreja.

São Roberto Belarmino, rogai por nós!

Via Canção Nova

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.