Nenhum obstáculo deve nos desanimar, afirma o Prof. Felipe Aquino após as eleições

0

SÃO PAULO, 04 Nov. 10 / 05:08 pm (ACI).- Em um de seus artigos mais recentes, intitulado “Democracia, compromisso e esperança” o conhecido Prof. Felipe Aquino, apresentador e blogger da Canção Nova, destaca o recente processo eleitoral ocorrido no país e que isto “representa o início de uma nova etapa”. O Prof. Aquino afirma que agora “é preciso continuar a lutar por um país que mantém vivos os princípios cristãos. (…) É preciso continuar alertas e cobrar dos que vão exercer os cargos públicos, em nome do povo, que sejam dignos de sua escolha”. “Nenhum obstáculo deve nos desanimar”, alentou o escritor católico brasileiro.

“Chegamos ao fim de mais uma eleição. Certamente, cada um de nós ficou satisfeito com a vitória de alguns dos candidatos e não tão satisfeito com outros. Foi o pleito com o maior número de debates e pela primeira vez a Igreja Católica, através de diversas emissoras de rádio e TV, promoveu também um deles”, afirma o intelectual brasileiro que destaca também que “essas eleições marcaram mais um passo na longa caminhada da nação rumo à consolidação das instituições democráticas”.
“O que importa agora é superar as rivalidades e continuar a luta em prol da edificação deste grande país, com a honestidade e o espírito da verdadeira democracia, elementos capazes de combater, especialmente, a corrupção endêmica que se instalou em muitos setores da nossa sociedade”, asseverou.

Para o Prof. Felipe, “a conclusão de um processo eleitoral representa o início de uma nova etapa”.
“Agora, sim, é o momento de arregaçarmos as mangas. Não podemos desanimar. É preciso continuar a lutar por um país que mantém vivos os princípios cristãos, como a esperança, o compromisso com a verdade, a justiça, o amor e a liberdade. É preciso continuar alertas e cobrar dos que vão exercer os cargos públicos, em nome do povo, que sejam dignos de sua escolha. Este é o papel do povo: fiscalizar, monitorar, rastrear todos os eleitos, a fim de que cumpram o que prometeram”, destacou.

“De todas as agendas prometidas, a que mais chama atenção, quando o assunto é o desenvolvimento do nosso país, é a educação. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o atual senso mostra que o Brasil tem a maior taxa de evasão escolar do Mercosul. Tão grave como isso é saber que somente a metade dos nossos adolescentes, entre 15 e 17 anos, está no Ensino Médio. Mas há algo ainda pior: a maioria desses jovens é incapaz de interpretar, ou seja, ler, compreender e tirar conclusões próprias”, denunciou o também apresentador do programa Escola da Fé da TV Canção Nova.

“Isso explica o fato de que apenas cerca de 10% de nossa população leem um jornal por dia ou leem uma revista noticiosa uma vez por semana. Para a maioria, a maior fonte de informação é quase que exclusivamente a televisão”.
O Prof. Aquino adverte que no país, “Falta profundidade, conhecimento e crítica”.
“A internet, que é um meio de informação mais amplo, só é acessada por cerca de 25% da população”, afirmou.

“Para alterar esse quadro é que devemos, a partir de agora, fazer valer nossos direitos e cobrar, diariamente, que o país avance para o verdadeiro desenvolvimento tanto da economia quanto do cidadão”, alentou o autor.

“Nenhum obstáculo deve nos desanimar. Cada um de nós é importante para fazer com que o país se torne uma verdadeira democracia, onde a imprensa é madura e livre, o povo é culto e as instituições políticas são fortes e livres da corrupção. O Brasil é um gigante que se levanta e que será grande se for honrado, livre e verdadeiramente democrata”, conclui o artigo do Prof. Aquino.

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.

16 − 15 =