Papa Francisco e Dilma Roussef se encontram em audiência privada

0

O Papa Francisco recebeu na manhã desta quarta-feira, 20, a presidente da República, Dilma Rousseff. O encontro que durou pouco mais de 20 minutos, tratou de temas ligados à juventude, JMJ Rio 2013, o problema das drogas e a pobreza que assola o continente sul-americano.

“Ele é uma pessoa extremamente carismática e, ao mesmo tempo, tem um grande compromisso com os pobres. Isso torna a relação com o Brasil muito importante (…) Um Papa muito modesto. Ele comentou que não se pode ter orgulho nem pretensões”, disse a presidente, em coletiva de imprensa após o encontro.

Dilma também ressaltou que o Papa enfatizou, durante a conversa, a importância da proteção das populações mais fragilizadas. No que se refere à Jornada Mundial da Juventude, ela considerou o Santo Padre entusiasmado com essa que será uma de suas primeiras viagens apostólicas.

Cadastre-se grátis e receba todas as novidades do site por e-mail

“Ele me disse que tem uma grande esperança de que haja uma presença maciça de jovens”, ressaltou.

Ainda falando sobre a juventude, Dilma ressaltou que o Pontífice acompanhou as notícias referentes à tragédia de Santa Maria (RS), em janeiro deste ano.

“Ele disse que ficou comovido com a questão de Santa Maria e que nós temos de demonstrar força e ternura. O Papa disse que o Brasil, em relação a Santa Maria, demonstrou essa força e ternura”, afirmou.

Visita a Aparecida (SP)

De acordo com Dilma, após a Jornada Mundial da Juventude, o Santo Padre pretende ir a Aparecida (SP), onde, em 2007, participou da V Conferência Episcopal dos Bispos Latino-americanos.

CN Notícias

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.