Filhos do presidente Muammar Khadafi propõem uma transição democrática no país.

0

Dois filhos do presidente da Líbia, Muammar Khadafi, de 68 anos e há 42 no poder, propõem uma transição democrática no país. A sugestão de Seif Al Islam El Kadhafi é que ele conduza o processo de transição seguindo as orientações de uma democracia constitucional, que incluem a retirada do seu pai do poder. Seif é apontado como sucessor natural de Khadafi.

A sugestão tem o apoio de Saadi El Kadhafi, outro filho do presidente líbio. Porém, não há informações se Khadafi aprova a proposta dos filhos Seif e Saadi. No entanto, pessoas próximas ao líder líbio disseram que ele sinaliza ser favorável à proposta.

De acordo com diplomatas líbios, os dois filhos de Khadafi pretendem atuar com o objetivo de mudar a Líbia. Seif e Saad estudaram em escolas ocidentais, mas outros dois, Khamis e Mutuassim, são considerados partidários do estilo de governo do pai.

Khamis, por exemplo, é apontado como líder de uma milícia que atua em favor do governo, enquanto Mutuassim é conselheiro da segurança nacional e considerado rival de Seif na sucessão do pai.

Agência Lusa

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.