Acolher as vítimas do tráfico humano com misericórdia

0
ROME, ITALY - APRIL 18: Pope Francis leads the Way of The Cross at the Colosseum on April 18, 2014 in Rome, Italy. The Way of the Cross is a centuries-old and much beloved devotion, that began as a sort of spiritual pilgrimage to the places and scenes and events of ChristÕs passion for those who could not make the pilgrimage to the Holy Land in person, as well as for those who had made it and wished to relive their experience, and for those who were preparing for the journey. (Photo by Franco Origlia/Getty Images) ORG XMIT: 485297283

“Com espírito de misericórdia, acolhamos as vítimas do tráfico de pessoas e aqueles que fogem da guerra e da fome”: esta é a mensagem no Twitter com a qual o Papa Francisco recorda hoje a celebração do Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas.

Trata-se da quarta edição de uma iniciativa proposta aos fiéis pelo próprio Papa Francisco, no dia em que a Igreja recorda a memória da Santa Josefina Bakhita, que também ela sofreu em primeira pessoa os dramas do tráfico e da escravidão.

Ajuda

Ao instituir este Dia, o Pontífice confiou sua organização à União das Superioras Gerais, de modo especial à rede das religiosas contra o tráfico, Talitha Kum.

"Acolher as vítimas do tráfico humano com misericórdia"

Outra iniciativa do Papa Francisco para combater a chaga social do tráfico humano foi a criação do chamado “Grupo Santa Marta”, que dá início às atividades de 2018 reunindo-se hoje e amanhã na Casina Pio IV, no Vaticano. Do Brasil, participa a Ir. Rosita Milesi MSCS, presidente do Instituto Migrações e Direitos Humanos, representando o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM). Já a brasileira Ir. Marinês Biasibetti representa a Comissão Episcopal para Migrantes Refugiados e Deslocados da Igreja em Moçambique.

Este grupo, criado três anos atrás, é liderado pelo arcebispo de Westminster e presidente da Conferência Episcopal da Inglaterra e Gales, cardeal Vicent Nichols, com a participação de instituições policiais, além de bispos, sacerdotes e consagrados que lutam contra o tráfico.

Na segunda-feira, o Papa concede uma audiência aos promotores do Dia Mundial de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas e expoentes do Grupo Santa Marta.

Via Vatican News

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.