Transforme o sofrimento em testemunho

0
testemunho

Vamos refletir sobre o sofrimento humano. É um assunto que muitas pessoas evitam falar, outras conseguem falar com muita naturalidade, mas sabemos que todos passam por ele. Pode gerar pavor, medo, insegurança, tristeza, apreensão e incertezas quando se vive ou passa pelo sofrimento

O ser humano passa por várias situações que causa sofrimento. Há as causas físicas de doenças e problemas de saúde, sejam eles leves ou graves. Há as doenças psíquicas como, depressão, síndrome do pânico, crises de ansiedade, etc. Há sofrimentos humanos, como problemas financeiros, desempregos, pessoas queridas vivendo a dependência química, problemas para resolver e situações difíceis e complicadas. E há ainda as causas espirituais, que são pessoas que não conhecem a Deus ou pessoas que conhecem a Deus e seu amor, mas hoje estão distantes da Igreja.

Já que todos os homens passam pelo sofrimento, como vivê-lo? Pela medicina, é importante procurar um médico, fazer exames e cuidar da saúde física e mental, procurando um profissional que possa te ajudar e ao mesmo tempo acompanhar o seu quadro. Além da medicina, é importante a fé. Várias pesquisas feitas por estudiosos demonstraram em estatísticas que a espiritualidade, ou seja, a fé em Deus, é importante para saber lidar com o sofrimento.

É preciso silenciar para ouvir a voz de Deus que fala com você, o silêncio de todos os barulhos e muitas vozes que não permitem que você escute o que Deus está falando, para que entenda qual é o sentido do sofrimento. Sofrer com Deus e sofrer na solidão, dois caminhos que você precisa escolher, e ao fazer essa escolha, precisa trilhar por ele e consequentemente passar por todos os desafios apresentados.

Por que sofremos?

No fundo de cada sofrimento experimentado pelo homem, como também na base de todo o mundo dos sofrimentos, aparece inevitavelmente a pergunta: por quê? É uma pergunta acerca da causa, da razão e também acerca da finalidade (para quê?); trata-se sempre, afinal, de uma pergunta acerca do sentido. Esta não só acompanha o sofrimento humano, mas parece até determinar o seu conteúdo humano, o que faz com que o sofrimento seja propriamente sofrimento humano. ”

Vamos falar de Jó, que era um home integro e reto, que temia a Deus, era o mais rico dentre todos os habitantes do Oriente. Satanás ficou observando o quanto Jó era temente a Deus e pediu para o Senhor para pô-lo a prova, e Deus permitiu, contanto que sua vida fosse poupada. Jó perdeu muitos bens: ovelhas, bois, casa desabou sobre jovens e morreram todos. Em tudo isso, Jó louvava o Senhor.

Diante dessa situação, Satanás percebeu que Jó continuou firme em Deus, íntegro e temente ao Senhor. Pediu permissão para pôr à prova sua vida e o Senhor permitiu, contanto que preservasse a vida de Jó. Satanás feri, das plantas dos seus pés até o alto da sua cabeça. Sua mulher, vendo-o sofrer, pediu para amaldiçoá-lo, e a sua resposta foi: “Se aceitamos de Deus a felicidade, também deveríamos aceitar a infelicidade. Passou por muitas provações, em tudo o que passou deu testemunho do que é Cristo na sua vida, Deus o abençoou até a sua velhice.

Em todas as realidades de sofrimento, Deus tem o seu olhar voltado para a sua vida. Ele não é indiferente à sua dor, Deus é bom e tudo o que Ele faz é para o seu bem.

Para descobrir o sentido profundo do sofrimento, seguindo a Palavra de Deus revelada, é preciso abrir-se amplamente ao sujeito humano com as suas múltiplas potencialidades. É preciso, sobretudo, acolher a luz da Revelação, não só porque ela exprime a ordem transcendente da justiça, mas também porque ilumina essa ordem com o amor, qual fonte definitiva de tudo o que existe. O Amor é ainda a fonte mais plena para a resposta à pergunta acerca do sentido do sofrimento. Essa resposta foi dada por Deus ao homem na Cruz de Jesus Cristo. ”

Jesus Cristo se doou por amor a cada um de nós, foi obediente até a morte e morte de Cruz. Passou pelo calvário, pela morte e pela ressurreição para nos salvar. Enquanto cristãos, precisamos carregar a nossa cruz diária, e essa cruz que é salvação para a nossa vida. Precisamos dar testemunho que o nosso sofrimento nos leva para Deus, nos torna pessoas melhores e conduz no caminho de conversão.

O sofrimento a partir da ótica de Cristo faz com que você encontre o sentido de sofrer. Não é um sofrer por sofrer, mas uma graça que Deus derrama sobre a sua vida, porque você não está sozinho e esse seu sofrimento gera esperança para aquele que sofre e precisa fazer esse encontro com amor de Deus.
Qual é o seu testemunho? Pode ser que você já tenha passado por alguma situação de sofrimento, ou provação e, em Deus, conseguiu superar, ou pode ser que você esteja precisando de uma ajuda, um caminho para trilhar, e ainda não encontrou o sentido do seu sofrimento.

Deus te convida a dar um passo de fé, testemunhar o seu sofrimento a partir da experiência que você faz com Deus, com sua fé. O quanto Ele tem te sustentado. Que sua vida seja um dom para o outro.

Fontes: CARTA APOSTÓLICA SALVIFICI DOLORIS DO SUMO PONTÍFICE JOÃO PAULO II AOS ISPOS, AOS SACERDOTES, ÀS FAMÍLIAS RELIGIOSAS E AOS FIÉIS DA IGREJA CATÓLICA SOBRE O SENTIDO CRISTÃO DO SOFRIMENTO HUMANO.

Juliana de Fátima Campos
Consagrada da Comunidade Católica Pantokrator

 

 

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.