Como você lida com a sua história de vida?

0
história

Todos nós trazemos nossa história de vida na “bagagem”. Alguns caminham com “bolsas” mais leves e outros com verdadeiros “fardos” tão pesados que parecem insuportáveis e impossíveis de serem carregados. Ainda que queiramos ou finjamos ignorá-la, ela se faz presente em nós, seja consciente ou inconscientemente. É-nos impossível desfazer-nos dela, resta-nos aprender a lidar com a nossa história. Como você tem vivido isso?

A nossa história de vida não nos determina!

Embora jamais sejamos isentos de nossa história de vida, não somos reféns dela. Não há como mudar o passado, mas nosso presente e nosso futuro não são determinados por ele.

O maior poder de Deus é o de transformar o mal em bem, poder tal que vai além da criação. Deus está, sempre esteve e estará acima de todas as coisas e não permite que nada saia de Seu controle e que nenhum acontecimento em nossas vidas se torne irreversível diante de Si. Ele é capaz de resgatar a nossa origem e o nosso verdadeiro ser e de redirecionar nossas vidas rumo ao nosso “princípio”, ao sonho de Deus para nós. Por obra do Espírito Santo, Deus nos “cria” e “recria” incessantemente.

Cabe a nós cooperar com a graça divina, desejando e buscando reconciliar-nos conosco mesmo e com a nossa história, ou viveremos estagnados, sem dar passo algum na esperança de um presente e futuro mais “leves” e felizes. Olhar para a própria história com carinho, sob a luz da Misericórdia e do Amor de Deus, ainda que por vezes faça surgir dentro de nós sentimentos de dor, nos ajudará a perceber o Seu cuidado e zelo por nossa vida, contemplar as situações com um olhar de maturidade e nos capacitará a perdoar a nós mesmos e àqueles que fazem parte de nossa história. Dessa forma, não seremos mais reféns dela, de nossas expectativas e consequentes desilusões, mas seremos livres e maduros para viver o caminho novo que se abrirá diante de nós.

A obra transformadora de Deus em Santa Teresinha

Teresinha teve uma infância marcada por uma série de perdas traumáticas que afetaram suas dimensões física, psíquica, emocional e espiritual de forma extremamente intensa. Sua história de vida fez com que ela desenvolvesse hipersensibilidade, um profundo escrúpulo diante de Deus e medo de crescer.

Teresa, no entanto, descobre a força e a imensidão do Amor de Deus por ela e gradualmente passa a experimentar a potência transformadora do Amor do Senhor em sua vida, numa postura de abertura e confiança na graça de Deus. Tudo o que era miséria foi transformado em santidade. Ele usou de suas franquezas para fazer dela uma grande santa. Pela ação do Espírito Santo, sua hipersensibilidade tornou-se uma profunda intimidade em sua relação com Deus, seu escrúpulo se transformou em tamanha confiança que a capacitou a se abandonar completamente no Amor do Senhor, e de seu medo de crescer nasceu a pequena via, a grande descoberta espiritual de Teresinha, seu legado para a Igreja de todos os tempos. (1)

Creia na obra que Deus é capaz de fazer através de sua história de vida!

Assim como fez em Teresinha, Deus é capaz de realizar uma grande obra em cada um de nós. Ele é o Senhor do nosso passado, presente e futuro – de cada instante da nossa história de vida! Nada escapa ao olhar, ao conhecimento e ao Amor de Deus, Ele nos conhece até as entranhas (2). Ele conhece as marcas causadas pela nossa história de vida e é maior e mais profundo do que qualquer abismo de dor que possa haver dentro de nós!

Dê o seu passo de fé! Coopere com a graça do Espírito Santo e busque incessantemente uma vivência de maior intimidade com Deus! Creia e confie no Poder do Amor de Deus por você! Permita-O tocar as feridas e traumas que você traz em sua bagagem de vida! Escancare a mochila pesada que há tantos anos você carrega nas costas e tenha a coragem de ser transformado por Deus! De onde foi fonte de profundo sofrimento, jorrarão águas de santidade, maturidade e verdadeira alegria! Você foi criado (a) para ser santo (a), feliz e realizado (a)!

  1. Formações sobre Santa Teresinha – André Luís Botelho de Andrade, Fundador da Comunidade Católica Pantokrator.
  2. Conf. Sl 138.

 

Adriane Luz
Consagrada da Comunidade Católica Pantokrator

 

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.