Educados pela Virgem Maria, nossa Mãe.

0
mae

Quando pensamos em Jesus, a maioria de nós tem a imagem do Senhor já adulto, realizando um milagre, talvez na Cruz ou Ressuscitado. Dificilmente pensaremos em Jesus pequeno, criança, acompanhado de Sua Mãe, a Virgem Maria. Geralmente, a imagem de Jesus criança nos é mais familiar na época do Natal.

Para nós é até um pouco estranho imaginarmos que Jesus foi uma criança, que precisou aprender a andar, falar, ler, escrever, porque nos é difícil pensarmos que Deus, que criou e conhece todas as coisas, precisou passar por esse processo de educação, aprendizado.

Sim, Ele é Deus, mas quis assumir a nossa condição humana e se sujeitou a tudo o que vivemos, exceto ao pecado.

Algumas denominações acreditam erroneamente que Jesus precisou de Maria apenas para nascer. Se assim fosse, rigidamente como acreditam, quem teria ensinado o Menino a andar, falar… Quem ensinou ao Menino Jesus as leis de Deus?

Lucas 2,51-52 – Em seguida, desceu com eles a Nazaré e lhes era submisso. Sua mãe guardava todas estas coisas no seu coração. E Jesus crescia em estatura, em sabedoria e graça, diante de Deus e dos homens.”

Ao fazer-Se homem, Jesus precisou de uma família. Enquanto São José trabalhava para o sustento de sua casa, a Virgem Maria se ocupava com os cuidados de Jesus. Obviamente, São José, sendo santo e justo, escolhido por Deus, muito participou também da educação de Jesus. Mas, até que Jesus chegasse à idade de começar a trabalhar com São José, Jesus esteve junto a Nossa Senhora em todos os momentos. Jesus aprendeu a ser como nós no lar da Sagrada Família.

Em nossa vida de fé, somos como crianças, nada ou pouco sabemos, ainda que há muito tempo estejamos na caminhada. Somos como crianças que estão aprendendo a andar: damos alguns passos, caímos, levantamos e recomeçamos.

Nossa grande tendência é querermos fazer tudo sozinhos, assim como a criança que quer ser independente, mas não possui ainda capacidade para isso.

Na vida de fé sempre dependeremos e precisaremos contar com alguém que tenha mais capacidade do que nós.

Jesus precisou da ajuda de Nossa Senhora. Ele Se tornou o homem que conhecemos porque foi educado pela Santíssima Virgem. Deus assim O quis e esta é a fé que recebemos da Igreja.

A humanidade de Jesus precisou ser educada, assim como “embora fosse Filho de Deus, aprendeu a obediência por meio dos sofrimentos que teve” (Hebreus 5,8).

Virgem Maria, a Mãe que nos educa

Nossa Senhora também quer nos educar, nos formar, nos ensinar. O que você precisa aprender com a Virgem Maria? O que você ainda não sabe? O que ainda é difícil para você? Você pode pensar: não sei perdoar, amar, viver a fé, o sacrifício, rezar.

Como foi para Jesus, Nossa Senhora pode ser para você a Mãe que ensina e educa. Para isso, você precisa contar com ela nos desafios que vive; precisa deixar que Ela tome suas mãos e caminhe com você.

De tudo o que Maria Santíssima pode nos ensinar, o que mais necessitamos é aprender a ter fé, confiar em Deus.

Ninguém, mais do que Ela, confiou e apostou na vontade de Deus, não somente quando o Anjo anunciou que Ela seria a Mãe do Salvador, mas em todos outros momentos da vida Jesus: quando Ele ficou desaparecido, nas Bodas de Caná, no momento da morte na Cruz, por exemplo.

A vida de Nossa Senhora foi uma vida de muita fé, de confiança em Deus. E a fé, como nos ensina a Santa Igreja (CIC § 166), não é algo que aprendemos sozinhos, mas é algo que nos é transmitido. E ninguém melhor que Aquela que acreditou para nos ensinar a também acreditar.

Se não confiamos em Deus, se faz necessário nos perguntarmos: por que eu não confio?

Existe uma causa para nossa falta de fé, que pode ser algo relacionado à história de vida, educação, distância de Deus, pois não confiamos em quem não temos proximidade.

Contudo, independente dos motivos que nos levam a desconfiar de Deus, temos uma Mãe que senta ao nosso lado e nos dá todas as razões para confirmamos. Se dissermos que temos muitos motivos para desconfiar, a Virgem Maria tem todos para nos ensinar a confiar.

Edvandro Pinto
Consagrado da Comunidade Católica Pantokrator. 

Deixe uma resposta

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui.